Para quem não conhece-te, conte-nos em poucas palavras: quem é Martinho e o que é  Xizoro?

Martinho José Cossa é estudante de gestão financeira, palestrante, creative designer e fashion designer da marca Xizoro, tenho 25 anos de idade e vivo no bairro de Magoanine , dedico meu tempo em motivar e inspirar jovens aspirantes empreendedores para que saiam da zona do conforto e explorem novos horizontes. Xirozo é uma marca de roupa que vem no mercado para redefinir e revalorizar o tecido Africano, criando designs altamente inovadores e adaptados a tendências internacionais, o objetivo da marca não é só criar uma identidade moçambicana, mas sim Africana, tendo em conta que a capulana ou o tecido Africano não é exclusivo de Moçambique.

 Que problema estás a resolver na África, no teu país ou na tua comunidade?

O principal problema é a aceitação de profissões que não são aceites como padrão em um país que já está formatado para seguir um protocolo lógico. Eu faço parte dos privilegiados que tem a coragem de seguir o empreendedorismo sem medo de ser olhado ou excluído pela sociedade onde estou inserido. Sendo assim, procuro através da marca contribuir para a identidade cultural Africana.

 Achas que este é o momento certo para a tua startup resolver o problema?

 Eu acho que não existe momento certo, existem sim acções que fazem com que os momentos e as oportunidades se revelem. A identidade Africana não deve ter momento certo para ser valorizada e agora mais do que nunca, é a hora de Africanos inspirarem o ocidente e contarem suas próprias historias para o mundo.

A tua solução se encaixa no mercado? (As pessoas querem isso)?

Felizmente encaixa, a minha startup está inserida no campo da moda e é de necessidade de todos ter uma boa peça de roupa para o dia a dia e até para eventos. E como aparatamos muito na capulana (tecido Africano) que é um material “nosso” fica ainda mais fácil ter a aceitação das pessoas porque já é um material conhecido, querido e valorizado pela maioria Africana, como símbolo e identidade Africana.

Conte-nos mais sobre a tua equipa, por que vocês são os melhores para resolver este problema?

Acredito que existem pessoas melhores que nós, mas não fazem mais esforços que nós, o problema não pode ser resolvido apenas por nós, podemos ate ser os pioneiros, mas é necessário que exista uma colaboração dos privilegiados para despertar este lado nas outras pessoas ou nas gerações vindouras. Xirozo tem uma equipa de pessoas apaixonadas pela moda e dedicadas em levar a identidade África além-fronteiras, mas valorizamos mais a colaboração com outras star-ups e empreendedores para aumentar valor ao nosso produto e serviços.

 O que o torna diferente no mercado?

A interação com os potenciais compradores, cada cliente tem uma historia para contar por detrás de cada peça de roupa, e nós preocupamo-nos em converter essa historia em peça de roupa.

Como é que medes teu sucesso?

Não meço o sucesso porque ainda não sei onde estou, mas sei pra onde vou, ou seja, não estou preocupado com o sucesso, mas sim com trabalho e qualidade. O sucesso é apenas um início de um novo desafio, cada cliente é uma etapa de sucesso.

Quão inovadora é a tua startup/negócio? (inovação tecnológica / social)

Inovação social é o que a startup é. Levar a identidade Africana além-fronteiras usando o poder da internet e redes sociais.

Qual é o impacto social que esta criar?

Positivo porque as pessoas passaram a aceitar a capulana de forma natural principalmente os jovens, e assim aumentam autoestima e incentiva o amor por produtos locais e reduzimos a dependência do de outros países na importação de roupa.

Como você está expandir a startup/negocio?

Em termos de técnicas de expansão seria complicado explicar, mas resumindo, as tecnologias de informação tem o poder de nos fazer alcançar onde nem se quer conhecemos, devemos usar esta ferramenta para o benefício da nossa startup e escalar para o mundo. 

Que conselho você deixa para empreendedores em desenvolvimento e novas starups?

“sonhem alto e lutem pelo dobro da altura do teu sonho”

 Encontre-os em:

www.instagram.com/Xizoro

www.facebook.com/Xizoro

 +258 840392421

.Magoanine A, Ave, Sebastião Mabote, Q:B c.103B, Maputo

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here